Como oferecer o produto exato para seu cliente e aumentar a conversão

filtros-de-busca

Todos nós compramos roupas, mas temos estilos, gostos e numerações diferentes. Alguns de nós está em busca de um smartphone que tire fotos de alta qualidade, outros só precisam de um para fazer ligações e enviar mensagens. O João quer um suplemento alimentar para ganhar massa muscular, e a Maria quer um para emagrecer. E por aí vai. Se você tem uma loja virtual, é essencial que você conheça seu público e seja capaz de fazer com que ele encontre exatamente o que procura.

1. Filtros de busca

O usuário, quando acessa sua loja, normalmente está em busca de coisas específicas. Não necessariamente um produto já definido em mente mas sim, as características que este deve ter. Por isso é indispensável que sua loja tenha filtros de busca e, para criá-los, você precisa conhecer o público e compreender sua forma de pensar. Falando de algo que entendo melhor: tênis para corrida. Quando eu acesso um e-commerce buscando um par de tênis para correr, as primeiras opções que vou atrás é filtrar por tamanho e pisada. Às vezes também adiciono a marca e cor. Não ligo muito para preço, pois estou disposta a investir. Não filtro por sexo, já que meu pé já não é pequeno e para esta ocasião, costumo comprar numa numeração ainda maior (40, que normalmente só tem masculino). Mas claro, minha forma de pesquisar não é igual a de todo mundo. E aí? Você realmente conhece seu público? Sabe como ele raciocina na hora de escolher o produto? Que tal convidar algumas pessoas para navegar na sua loja e trocar ideias?

2. E-mail marketing comportamental

Uma vez que o usuário acessou a loja e em algum momento informou seu e-mail (cadastro, newsletter), é possível fazer o envio de e-mail marketing comportamental. Com o seu histórico de navegação registrado do cliente, você pode enviar e-mails automáticos oferecendo produtos conforme os interesses e perfil da pessoa.

3. Blog

Manter um blog em seu e-commerce é uma oportunidade de criar conteúdo relevante para seu público. Com ele você pode escrever mais detalhadamente sobre um produto, explicando, por exemplo, para quem tal suplemento é indicado; fazer comparativos entre smartphones; dicas de look com peças de sua loja. São inúmeras as possibilidades. Ter um blog significa conversar e se aproximar do seu público.

4. Google orgânico e Adwords

É importante que você tenha conhecimento sobre os interesses do público-alvo. De que forma eles buscam no Google o produto que sua loja oferece? Que tipo de conteúdo você deve criar para melhorar seu SEO? Em quais palavras-chave investir para fazer uma campanha de Adwords? As pessoas desta região buscam por geladeira ou refrigerador? Quem compra uma blusa pesquisa pela marca ou ocasião?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google