Venda nos melhores marketplaces do mercado

Você sabe o que é marketplace? Caso queira multiplicar suas vendas, está na hora de você descobrir o que é e como vender nos melhores marketplaces do mercado.

O marketplace é um canal de vendas online onde você pode expor seus produtos para milhões de pessoas. Como veremos ao longo desse artigo, é preciso, porém, que você avalie se essa ferramenta se alinha com sua estratégia de Marketing.

Vale ressaltar que o marketplace é apenas uma das muitas formas de você promover seus produtos. O importante é que o seu mix promocional esteja de acordo com a estratégia de posicionamento de sua marca.

Veremos isso ao longo do artigo e convidamos você a seguir conosco para saber tudo que é necessário para tomar a decisão de vender nesse tipo de plataforma de e-commerce.

O que são e como funcionam os marketplaces?

Você sabe o que são e como funcionam os marketplaces? São plataformas de venda que englobam ofertas de diversos lojistas. Você já deve ter feito compras em e-commerces como Amazon, Americanas, Submarino, Carrefour, Magazine Luiza, Mercado Livre e outros.

Em alguns casos, você, ao efetuar o pedido de determinado produto, depara-se com diferentes ofertas. Elas são de diferentes lojistas, cada qual oferecendo condições próprias de: preço, prazo de entrega, pagamento e frete. Nesse caso, você está em um marketplace, uma plataforma em que diversos e-commerces podem expor e vender seus produtos.

É como se fosse um grande shopping virtual, com a diferença de que os lojistas expõem seus produtos em uma única vitrine, sob a bandeira do marketplace.

Se você tem uma loja de produtos de informática, por exemplo, pode anunciar seus produtos em diversos marketplaces, ampliando suas oportunidades de vendas, uma vez que eles estarão expostos para milhões de consumidores que usam a internet como ferramenta de compras.

Como fazer meu cadastro num Marketplace?

Para vender nos marketplaces o primeiro passo é cadastrar-se nas plataformas. Os formulários de inscrição podem ser encontrados nos próprios sites dos marketplaces.

O passo seguinte é preencher todos os dados requisitados, que serão analisados para a verificação do enquadramento nos requisitos exigidos para que você possa vender na plataforma.

A documentação solicitada pelas plataformas inclui:

– CNPJ;

– Inscrição Estadual;

– Declaração do Regime Tributário;

– Consulta ao Cadastro Estadual (SINTEGRA – ICMS);

– Alvará de Funcionamento;

– CNDs (Tributários; Trabalhistas; Previdenciários)

– Certidão Negativa de Falência e Concordata;

– Contrato Social + Certidão Simplificada do Sinrem;

– Certidão de Distribuição de Ações e Execuções Cíveis e Criminais da Justiça Federal;

– Certidão dos Distribuidores Cíveis do Estado sede;

– Certidão dos Distribuidores Criminais do Estado Sede.

Vencidos os trâmites burocráticos e aceito o seu cadastro, basta você fazer a integração com a plataforma. Toda a operação será integrada, incluindo a atualização dos produtos, recebimento de pedidos e envio de relatórios de vendas.

Quais as vantagens de vender nos grandes marketplaces?

Você sabe quais são as vantagens de vender em um grande marketplace? Vamos falar um pouco sobre elas?

Exposição

Ao cadastrar seus produtos em um marketplace você ganha a oportunidade de expô-los para um número muito maior de consumidores em uma plataforma de e-commerce com milhões de acessos diários, o que multiplicará suas oportunidades de vendas.

Você pode, ainda, divulgar seus produtos em diversos marketplaces, o que aumentará ainda mais as suas oportunidades de realizar muitas vendas.

Credibilidade e Confiabilidade

A diferença entre vender diretamente em sua loja e a partir de uma plataforma como Netshoes, Mercado Livre, Magazine Luiza ou Submarino é a credibilidade que você ganha. O cliente está, na verdade, interagindo com marcas conhecidas, em quem ele confia. Esse atributo é transferido aos parceiros dessas empresas, de modo que você se beneficia da credibilidade de que elas gozam junto aos consumidores.

Quando acessam essas plataformas de e-commerce, os consumidores estão buscando alternativas de consumo confiáveis. Ao vender por meio dessas plataformas, você estará se submetendo a uma série de exigências para manter o padrão de serviços dessas últimas.

Lembre-se, no entanto, que você tem participação importante nesse processo. Além de cumprir os requisitos de qualidade do marketplace, você precisa trabalhar para monitorar os concorrentes para se diferenciar nas condições de preço, pagamento, frete e prazo de entrega.

Escala e Faturamento

Ao anunciar seus produtos nos marketplaces, você ganha em escala e, consequentemente, em faturamento. É preciso, no entanto, considerar que sua margem de lucro sobre mercadoria vendida diminuirá, uma vez que a plataforma retém um percentual sobre as vendas.

É preciso, portanto, calcular se realmente as vendas serão lucrativas ou se é melhor investir em outras estratégias para promover seus produtos.

Além disso, você reduz o risco de acumular a mercadoria no estoque. Caso um determinado item esteja  com giro muito baixo, você pode fazer uma promoção de desconto, ganhando dos produtos concorrentes no preço. Você pode reduzir a margem ou, pelo menos, recuperar o investimento.

Quais as vantagens da integração da minha loja virtual com o marketplace?

Integrar loja virtual com marketplace é uma etapa essencial para o sucesso dessa política promocional. Você não terá competitividade se tiver que arcar com o custo de uma operação lenta e trabalhosa.

Imagine só ter que fazer manualmente o cadastro e as atualizações de produtos. Parece-nos impraticável e, além de tudo, desnecessário, pois é possível automatizar esses processos e deixar que a tecnologia trabalhe por você.

A partir da integração entre o seu e-commerce e o marketplace, as atualizações são automáticas. Ao atualizar o produto em sua loja, essa mudança aparecerá para os clientes automaticamente no marketplace. Sem contar que com a solução para integração da Moovin, você pode controlar suas vendas nos principais marketplaces do mercado em um único painel, o que torna sua gestão muito mais profissional, rápida, prática e eficaz.

Da mesma forma, os pedidos do marketplace são recebidos automaticamente em sua plataforma, com alimentação automática do seu sistema de gestão. Com isso, você poderá dedicar seu tempo a cuidar da parte estratégica do seu negócio, analisando relatórios e atualizando seu planejamento.

Marketplace e sua estratégia de Marketing

Como já observamos no início deste artigo, antes de escolher quais serão seus canais de vendas é preciso que você tenha uma estratégia de Marketing a seguir.

É importante que reiteramos que o marketplace não é exatamente como um Shopping Center, onde você coloca uma loja personalizada para vender seus produtos. A ideia aqui é mais parecida com você colocar o seu produto para vender em uma loja de terceiros.

Em outras palavras, a experiência do cliente é com o marketplace e não com a sua marca, embora ela fique em evidência no momento em que o cliente compra o seu produto.

Se a sua estratégia é orientada exclusivamente para vendas, caso você deseje criar mais um canal para oferecer seus produtos, o marketplace é bastante recomendável. Caso você esteja pensando em alta lucratividade no longo prazo, baseada em relacionamento e fidelização, será necessário avaliar essa ideia com bastante cuidado.

Além disso, você deve tomar cuidado com a escolha de onde vai vender seus produtos. Considere marketplaces segmentados caso a sua oferta também seja segmentada, pois isso aumenta as suas chances e confere um pouco mais de personalização às suas vendas.

Um exemplo são os marketplaces para venda de artesanato. Caso o seu produto seja artesanato, optar por esse tipo de plataforma trará maior personalização à experiência de compra do cliente, além de colocar seu produto num ambiente de compra voltado para o seu segmento.

Principais marketplaces do mercado online brasileiro

Confira a lista de algumas das plataformas mais famosas e procuradas:

– Mercado Livre;

– B2W (Americanas, Submarino e Shoptime);

– Amazon;

– Walmart;

Netshoes;

– Carrefour;

– Leroy Merlin;

Magazine Luiza;

– Casas Bahia;

– Ponto Frio;

– Dafiti;

– Zattini;

– Tricae;

– Extra;

– Kanui.

Conclusão

Esperamos ter contribuído para esclarecer suas dúvidas sobre vender nos maiores marketplaces do mercado.

Parece estar evidente que, caso você preencha os pré-requisitos para trabalhar com essas plataformas, elas são uma excelente alternativa para multiplicar vendas.

Esperamos que o artigo tenha sido útil e esclarecedor. Podemos, no entanto, ajudar muito mais, criando a sua loja virtual dentro dos mais rígidos parâmetros de qualidade e funcionalidade.

Caso o seu problema seja fazer a integração de sua loja com o marketplace, essa também é nossa especialidade. Auxiliar empreendedores a obter os melhores resultados com seus empreendimentos digitais é o nosso negócio.

Por isso, fazemos a integração do seu e-commerce com os principais marketplaces do mercado, dentre as quais: Magazine Luiza, Walmart, Carrefour, Amazon, Netshoes, Casas Bahia, Kanui, Zattini, Submarino e Mercado Livre.

Com a nossa solução, você pode controlar todas as vendas online em um único painel, ganhando em agilidade, organização e controle. 

Agora você já pode dar o próximo passo!