Quais as integrações que não podem faltar no seu e-commerce

integrações que não podem faltar no seu e-commerce

Você já ouviu falar em integrações? Sabe qual o papel delas e quais são as integrações obrigatórias para que seu e-commerce possa funcionar? Caso tenha dúvidas a respeito, é esse o nosso tema.

Integrações são elementos chave para que o seu e-commerce cumpra os requisitos necessários para que a gestão e a operação do seu negócio sejam adequadas e garantam uma entrega de qualidade.

Para isso, é necessário que você tenha em mente que não basta ter um layout atraente. Antes disso, seu e-commerce precisa ser pensado estrategicamente. Em outras palavras, é definir o que e como você quer entregar aos seus clientes. Da mesma forma, é preciso definir os controles que você precisa ter para que a gestão do negócio ocorra de forma ágil e estrategicamente bem sucedida.

Para melhorar um pouco o conceito, podemos dizer que é necessário que você tenha em mente o conjunto de processos que serão adotados para que tudo que você idealizou aconteça da melhor forma possível.

Dominando os processos e requisitos de entrega, você estará capacitado para solicitar ao profissional responsável pelo desenvolvimento de sua loja virtual integrações adequadas ao funcionamento que você idealizou.

Para deixar o tema mais claro, vamos falar das principais integrações. São aquelas que precisam estar presentes em qualquer e-commerce.

– Integração com ERP;

– Integração com meios de pagamento (Pagar.me, Wirecard, Stone, Pagseguro entre outros);

– Integração com gateways de pagamento (PagSis e MundiPagg);

– Frete (correios e transportadora), logística e estoque;

– Integração com Fornecedores;

– Integração com CRM;

– Integração com o sistema de Contabilidade;

– Integração com Google Analytics;

– Integração com Marketplaces; 

– Integração com Rede Sociais (Facebook e Instagram)

Integração com ERP


Você sabe o que é ERP? Estamos falando de sistemas de gestão integrados. Basicamente, para ter agilidade nos processos e nas decisões estratégicas, é preciso que você concilie em sua EPR soluções de automação e TI.

A automação é um dos atributos que diferenciam os negócios digitais, uma vez que está presente na gênese e na natureza desse tipo de empreendimento. Estamos falando, efetivamente, de redução de tempo, custos e trabalho.

Para que fique mais claro, alguns recursos de automação presentes em uma ERP são:

– emissão automática de notas fiscais eletrônicas;

– baixa automática de itens no estoque sempre que você realiza uma venda na loja;

– arquivamento e emissão automática de documentos fiscais para a contabilidade;

– atualização automática dos relatórios financeiros, contas a pagar, contas a receber e fluxo de caixa;

– geração de atualizações sobre andamento do pedido para o cliente;

– geração de etiqueta para transporte.

Essas são algumas das funções de automação que conferem agilidade aos seus processos, entregam ganho em custos e economizam tempo.

Com relação à TI, o principal benefício é garantir que os gestores tenham informações atualizadas e de qualidade para tomar decisões no dia a dia e fazer um planejamento que seja construído em bases sólidas.

Por isso, é tão importante que você tenha uma definição clara de suas estratégias e processos administrativos e operacionais. Os recursos de um sistema ERP terão que se encaixar nas necessidades de gestão que você definiu.

Integração com Meios de pagamento

 

meios de pagamento - plataforma de ecommerce moovin
O ideal é que você possa disponibilizar meios de pagamento mais diversificados, pois isso fará com que possa alcançar um número maior de clientes.
Os principais meios de pagamento que você pode oferecer aos seus clientes são:

– boleto bancário;

– cartões de crédito;

– cartões de débito;

– intermediadores (PayPal, PagSeguro, Moip, Mercado Pago);

– débito online ou transferência online.

Os intermediadores de pagamento conhecimento também como sub-adquirentes, são uma boa solução para simplificar o seu negócio, uma vez que eles fazem uma integração completa, que envolve o e-commerce, o cliente e as financeiras, facilitando muito sua operação. A integração é feita de forma muito simples para que tudo aconteça automaticamente sem necessitar realizar a contratação de um gateway de pagamento e uma análise de risco

Um das principais, vantagens é a centralização dos contratos em um único local, mas dependendo do tamanho da sua operação seja mais vantagem realizar contrato separados com cada adquirente (redecard, cielo e stone por exemplo).

Gateways de pagamento


Os gateways de pagamento é uma solução ideal, para lojistas que possuem uma taxa bem competitiva junto aos seus adquirentes, como Rede, Cielo e Stone. Geralmente os gateways são utilizados por grandes lojistas e por segmentos onde necessita haver uma
análise de risco separada no processo de aprovação de crédito junto ao adquirente. 

Basicamente o gateway de pagamento, se preocupa no processo de apenas transportar os dados do cartão de crédito  do cliente, informado na página do lojista para as adquirentes. Além de proporcionar a geração de boletos e débito online diretamente com os bancos no qual possuem vínculo financeiro. Outra grande vantagem de trabalhar com diretamente com os gateways, é possibilidade dividir a compra do cliente em dois cartões e cartão mais boleto

As retentativas de compra é outra grande vantagem, caso o cartão do cliente não seja aprovado na adquirente X, o mesmo tentado na adquirente Y, dando maiores chances da transação ser aprovada pelo adquirente. 

Frete, Logística e estoque

 

frete, logística e estoque - plataforma de ecommerce moovin

Um dos principais do diferencias hoje, nas lojas virtuais e o valor do frete, desta forma é essencial que o cliente possa calcular o preço e o prazo do frete ao qualquer momento em seu processo de compra. Oferecendo assim, sempre a melhor cotação de frete, além de oferecer uma vasta a opção de escolha, como valor do frete ou a entrega mais rápida. Da mesma forma, para que você tenha uma logística organizada, é recomendável que o pedido seja gerado automaticamente para a transportadora e através do sistema você possa gerar a etiqueta para o transporte(Etiqueta SIGEP).

Por fim, é preciso que esse pedido seja gerado para o responsável pelo controle de estoques. Desse modo, você poderá ter uma operação interna integrada com o serviço da transportadora, com todos tendo a mesma visão do processo.

Essa solução deve conter, também, o sistema de monitoramento de pedidos, que é um benefício direto para o cliente, que poderá acompanhar, em tempo real, o estágio do seu pedido. Mantendo,  desta forma, um relacionamento próximo com o cliente até a entrega a entrega de seu pedido, este relacionamento pode ocorrer via troca de e-mails, mensagens via SMS ou WhatsApp.   

Na outra ponta, a baixa no estoque deve ser automática no sistema, de modo que a atualização seja imediata, tanto para a visão que o cliente terá da disponibilidade da mercadoria, quanto para a visão que o gestor precisará ter da necessidade de recompra.

Fornecedores

 

fornecedores - plataforma de ecommerce moovin

A integração com fornecedores é algo um pouco mais sofisticado, mas que é essencial para a gestão estratégica do seu negócio.

Ao integrar seu sistema ao dos fornecedores você poderá ter uma visão do estoque e dos preços, fazendo a cotação e a compra online de forma automática e descomplicada. Isso conferirá agilidade à gestão dos estoques e, consequentemente, ampliará suas oportunidades de vender e fidelizar clientes ganhando mais.

Como? Comprando mais barato e não deixando que falte o produto. Sem contar que você terá uma visão mais clara do giro do seu estoque, por meio dos relatórios, podendo antever quais itens trarão maior volume em vendas e quais aqueles que você deve comprar menos para não comprometer o giro e a sua lucratividade.

CRM


O CRM é a mais poderosa ferramenta de Marketing para um e-commerce. Operá-lo requer certo engenho, pois é preciso que você tenha alguém que saiba programar e analisar os relatórios, mas os benefícios são compensadores.

Usando corretamente o CRM, você poderá ter uma visão cada vez mais personalizada dos clientes, acompanhando o que cada um faz na loja: o que compra, com que frequência, quando abandona o carrinho, etc.

Com isso, você pode personalizar campanhas e melhorar o ticket médio dos seus clientes, que é o caminho mais seguro para a lucratividade.

Contabilidade


Caso você considere seus demonstrativos contábeis como ferramentas de gestão, precisa, evidentemente, que esses demonstrativos sejam gerados rapidamente para refletirem a situação atual.

Ao integrar contabilmente o seu ERP ao sistema do escritório de contabilidade, o contador terá acesso automático a todas as informações financeiras, assim como poderá importar os documentos contábeis diretamente do seu sistema. Com isso, a contabilidade estará minimamente exposta a erros e atrasos na emissão dos relatórios. Sem contar que você não terá mais que cuidar da emissão de relatórios e documentos fiscais para o contador.

Automação de Marketing


Os sistemas de automação de Marketing podem ser integrados à rotina da sua loja, auxiliando na segmentação de sua base de clientes e na personalização das campanhas. Você poderá emitir e-mails diferentes para pessoas ou grupos de pessoas distintos com base no conhecimento gerado por meio da integração.

Com os sistemas de automação de Marketing, você consegue viabilizar políticas para reter e fidelizar clientes. Alguns já são integrados com o CRM, o que ajuda a tornar sua operação de Marketing ainda mais ágil.

Integração com Google Analytics


Esse não pode faltar de jeito nenhum. O Google Analytics permite que você controle os acessos de consumidores ao seu e-commerce, fornecendo uma visão geral do sucesso de suas campanhas de divulgação em meios como Google Ads, Facebook Ads, redes sociais e páginas parceiras.

Além disso, você sabe quais páginas estão sendo mais visitadas e pode fazer cruzamento desses dados com o volume de vendas de cada produto para obter informações estratégicas.

E tem o melhor de tudo: é de graça.

Integrações de segurança


Segurança é requisito básico para que as pessoas se sintam à vontade para comprar em seu e-commerce. Alguns dos itens que não podem faltar são:

1 – SSL (Security Socket Layer) – O SSL seve para proteger os dados com os quais seus clientes preenchem formulários, evitando roubo de informações.

2 – Scan de Aplicação e IP – Essa ferramenta protege o site contra a ação de terceiros que tentem acessar seu banco de dados para roubar informações. O Scan aponta as falhas de proteção para que sua equipe de desenvolvimento possa corrigi-las.

3 – Antifraude – Caso você vá utilizar um gateway de pagamento, o que recomendamos, precisa integrar ao seu e-commerce um dispositivo antifraude. Ele serve para evitar que fraudadores façam compras com cartões roubados ou clonados. Caso você esteja desprotegido contra fraudes, poderá ter a receita com a venda estornada e ainda ficar sem o produto, já que ainda não existe na internet uma legislação para proteger o lojista desse tipo de ação.

Integração com Marketplaces


A integração de sua loja com os marketplace, funciona como um shopping virtual onde você poderá disponibilizar todo seu estoque e produtos em um ambiente onde já possui um fluxo bem considerado de acesso. Uma de suas principais vantagens está no modelo de negócio, o lojista vinculado ao marketplace só paga se ocorrer a venda no canal escolhido.

Hoje os marketplaces, é uma das principais formas escolhidas, por muitas empresa para aumentar suas vendas online, ganhando assim maior poder de compra junto aos seus fornecedores, além aumentar rapidamente seu capital financeiro. 

Integração com Rede Sociais (Facebook e Instagram)

 

redesocial - plataforma de ecommerce moovin

As redes sociais, é uma das principais formas validar seu negócio e divulgar seus produtos e/ou serviços bom um custo extremamente baixo ou em muitos casos não existindo. Ao iniciar o processo de vendas online, muitos destes processos são realizados de forma manual, como por exemplo o envio dos produtos e a gestão de preço e estoque. 

Mas com o passar do tempo, é muito importante que exista a sincronização com a plataforma de ecommerce, evitando assim, uma ruptura de estoque e uma divergência do preço aplicado na sua loja virtual e a sua rede social. Não esqueça que as rede sociais é um dos principais veículos de comunicação com seu público, desta forma mantenha a mesma alinhada com sua loja virtual e sua empresa. 

Muita coisa?


Tem razão. É muita coisa para um só ser humano se preocupar, mas não é bem assim. Ao contratar uma empresa especializada para desenvolver seu e-commerce, você não precisará se preocupar com todos esses detalhes.

Basta que você reconheça quais são os requisitos para que seu e-commerce funcione e contrate alguém para especificar e integrar as soluções que atendam a esses requisitos. 

Quer saber mais sobre como operar seu e-commerce ou quer migrar sua plataforma de e-commerce?