5 técnicas de SEO para aplicar na página de produto

SEO na página do produto

SEO na página do produto

A página de produto do seu e-commerce tem papel fundamental para SEO. O que queremos é que a maioria dos seus clientes cheguem ao seu site através da busca orgânica.A maioria das compras no comércio eletrônico ocorrem quando o usuário já está buscando por um produto específico, como por exemplo, “Samsung Galaxy S7”. Neste tipo de busca, ele acabará sendo direcionado a diversos sites de compra, mas caindo diretamente na página do produto. Por isso é tão importante que você trabalhe para que a sua página esteja entre as primeiras colocadas nestes tipos de busca. Confira algumas dicas:

1. Descrição do produto

É importante que a descrição de seus produtos seja autêntica, informativa e persuasiva. Nunca copie descrições de concorrentes ou do site do fabricante, crie você mesmo. Saiba mais sobre como escrever uma boa descrição clicando aqui.

2. Avaliações de compradores

Incorpore nesta página as avaliações e comentários de outros compradores, que foram convidados a responder após a compra na sua loja. As recomendações contribuem para o SEO, já que o conteúdo dessa a página passa a ser atualizado com mais frequência, o que é um ponto positivo para o Google.

3. H1 tag

Não somente na página do produto, mas em todas de seu site, você deve definir qual o termo será o H1. O H1 é a principal heading tag, o título da página, normalmente sendo o elemento com maior destaque. Esta tag é importante para o Google determinar qual o principal assunto da sua página, servindo para otimizar os resultados de busca.

4. Imagem tags

Configure a tag alt de todas as imagens (um texto sucinto que explique o conteúdo da imagem contendo palavras-chaves relevantes). Nomeie os arquivos de maneira curta e com a palavra-chave principal, utilizando tracinhos para separar as palavras. É necessário também atentar quanto ao tamanho (menor possível) e qualidade do arquivo. No e-commerce, a foto do produto talvez seja o elemento mais importante para concretizar sua venda, dependendo do segmento. Para a moda, por exemplo, é comum os usuários buscarem por um item no Google e ser chamado a atenção pelas imagens que aparecem nos resultados. Por isso, é muito importante que você nomeie adequadamente.

5. Vídeos

De acordo com a Forrester, uma empresa de consultoria e pesquisas dos Estados Unidos, um vídeo que possua as palavras-chaves adequadas ​​tem 50 vezes mais chances de aparecer na primeira página de resultados do que qualquer outro site contendo apenas texto. Você pode, portanto, trabalhar com vídeos além das fotos e descrições do produto para apresentar o item. Dessa forma você aproxima o usuário do produto, que não tem contato físico, além de passar algumas informações – a maioria das pessoas preferem assistir em vez de ler.

Todos esses itens irão contribuir tecnicamente para seu SEO e, acima de tudo, proporcionar uma experiência melhor para seu usuário e aumentar suas vendas. Afinal, o Google valoriza esses pontos justamente porque considera que os mesmos entregam um conteúdo relevante para o usuário.

Quer abrir um e-commerce ou migrar sua loja virtual para a Moovin?