Blog da
Moovin

Mobile Conf orienta profissionais sobre desenvolvimento mobile

Em: E-commerce

16 abr 2013

No dia 5 de abril, ocorreu em São Paulo a Mobile Conf. O evento tratou sobre as principais tendências e desenvolvimento de aplicativos para dispositivos móveis, ramo que tem ganhado cada vez mais força no cenário brasileiro.

Com o crescente uso da tecnologia no cotidiano das pessoas, as empresas e os especialistas se dedicam a aprimorar os aparelhos e facilitar a vida dos usuários. A Motorola Mobility divulgou nesta segunda-feira (15) um estudo que indica que o consumo de conteúdo através de tablets, smartphones e laptops aumentou de 34% para 43% de 2011 para 2012, o que coloca o Brasil em lugar de destaque, uma vez que a média global em 2012 ficou em 38%. Consequentemente, a quantidade de aplicativos não para de crescer e, de acordo com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), esse é um mercado promissor.

A Mobile Conf ocorreu com o intuito de orientar os especialistas da área para esse contexto.  A programação do evento dividiu-se entre os focos Android, iOS e HTML5: Web e apps, totalizando 21 palestras e contando com a participação de 20 palestrantes. “Gostei muito das palestras que assisti, pois todas foram feitas por excelentes profissionais que trabalham no ramo e inclusive alguns são instrutores de cursos”, comenta William Hass, desenvolvedor de web da Moovin. William participou da Mobile Conf pois reconhece que o uso de dispositivos móveis é a nova realidade e que permanecerá por muito tempo, percebendo as oportunidades no mercado. “As pessoas sentem necessidade de continuarem conectadas mesmo quando fora de casa. A praticidade e comodidade desses aparelhos também favorecem o maior consumo dessa tecnologia. Essa realidade me faz perceber muitas oportunidades. Estou estudando bastante o desenvolvimento de aplicativos para iOS. O meu principal foco no assunto é desenvolver aplicações para uso no dia a dia, com o objetivo de solucionar e facilitar algumas tarefas corriqueiras”, diz.

0 comentário(s).
Seja o primeiro a comentar.




− oito = 0